Visualizando o relevo com estilo

Visualizando o relevo

Esse post é dedicado para quem começou a se aventurar no mundo dos modelos digitais de elevação (MDE).

Quem seguiu os passos que eu postei aqui para produzir um MDE do zero, com dados da missão SRTM, deve ter  ficado um pouco desapontado com o resultado, pois a renderização padrão de camadas raster no QGIS é uma escala de cinza, muito sem graça:

Ajustando a renderização da camada

A visualização do MDE pode ficar melhor. Muito melhor. Em propriedades da camada, na aba de estilização (style), mude a rederização de banda de “banda única cinza” (singleband pseudocolor) para “banda única de pseudocores” (singleband pseudocolor). Agora a coisa começa a ficar interessante. O QGIS já vem com uma ampla disponibilidade de gradientes de cores. Além disso, é possível customizar o seu próprio gradiente.

Alterando a renderização da banda
Opções de gradientes de cores

Escolhendo o gradiente de cores e configurando máximos e mínimos

O gradiente BrBG é particularmente adequado para representar o relevo, indo do marrom em direção ao verde-azulado. Mas no QGIS é preciso inverter esse gradiente, se não as montanhas no relevo ficam azuladas,  o que não é nada intutivo! Uma dica é ajustar os valores de máximo e mínimo, para melhor ajustar o gradiente para a amplitude das elevações do relevo.

Gradiente BrBG para representar o relevo.

Agora sim, temos uma boa visualização!

Visualizando o MDE com o gradiente BrBG invertido

Sombreamento do terreno

Mas é possível melhorar ainda mais. Para isso vamos precisar de mais geoprocessamento e criar uma nova camada que representa o sombreamento do terreno. Existem vários pacotes que fazem esse processamento. Eu recomendo usar Hillshade do bom e velho pacote GDAL. Esse algoritmo permite simular a sombra do terreno com parâmetros do ângulo do sol (azimute e inclinação) bem como exagerar o efeito com fatores de multiplicação (como se as montanhas fossem x vezes mais altas). É um mini parque de diversões.

Gerar o sombreamento pelo algoritmo Hillshade

Isso nos gera mais uma camada, que tem essa cara:

Sombreamento do relevo.

Renderizando tudo junto

Agora vem a melhor parte. No painel de camadas, empilhe as camadas, com o MDE por cima do sombreamento. Isso vai permitir alguns truques de renderização.

Modificando o modo de mistura

Nas propriedades do MDE, aba de estilização, é possível alterar o modo de mistura com as outras camadas visíveis. Existem várias opções. A opção “multiplicar” (multiply) é particularmente útil nesse caso.

Modificando o modo de mistura

Eis o resultado:

Renderizando tudo junto, com o modo de mistura “multiplicar”

Mudando a transparência global

Uma forma mais sutil é mudar a transparência global da camada do MDE, em propriedades da camada, aba de transparência.

Mudando a transparência global da camada de MDE

Eis o resultado:

Renderizando as camadas com maior transparência da camada do MDE

Acho que tivemos algum progresso, não?

Bônus: não perca tempo e salve suas estilizações

É claro que isso são apenas dicas. Detalhes e melhorias de uma boa visualização podem demorar horas ou dias para ficarem prontos, dependendo da sua ambição. Mas não garanta seu trabalho apenas salvando o projeto do QGIS. É possivel salvar a estilização em um arquivo separado.  A extensão do arquivo de estilo do QGIS é .QML e pode ser salva e carregada separamente (como mostra o print abaixo).

Além disso, se você nomear o arquivo com o mesmo nome do arquivo raster (ou shapefile) o QGIS irá automaticamente carregar o estilo quando você importar a camada, em outros projetos. Isso com certeza poupa muito tempo inútil perdido em estilizações que já foram feitas em projetos anteriores.

Salvando e carregando estilizações de camada do QGIS.

 

 

3 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: